As sete últimas palavras de Jesus na Cruz

17 julho, 2022
Palavras-chave: calvário , cruz , sacrifício , Salvação
Book: João
elton-posse-rosto

Palestrante: Pr. Elton Melo

Passagem Bíblica: João 19.17-30

A cruz foi o ápice do amor do Pai pela humanidade caida. Embora Jesus estivesse desfigurado, cansado, com dores e muito sofrimento pessoal, suas sete últimas palavras declaram o grande amor de Deus pela vida do ser humano.Estas últimas palavras expressam valores que precisamos cuidar para que nunca faltem em nossa vida cristã. nestas últimas palavras, podemos conhecer:

1- O amor do Pai pelo inimigos, através do perdão.

    1. “Pai perdoa-lhes pois não sabem o que fazem” (Lucas 23.34)
    2. Ele perdoou antes mesmo que lhe tivessem pedido perdão.
    3. Ele sofreu ódio, escárnio, opressão e a maldade humana;

2- Sua promessa ao pecador arrependido.

    1. “Hoje estarás comigo no paraíso” (Lc 23.43);
    2. muitas pessoas foram salvas pelo exemplo do malfeitor arrependido;
    3. Toda vez que o nosso pecado é confessado, encontramos graça e misericórdia.
    4. O malfeitor confiou em Jesus para a sua salvação e suplicou: “Senhor, lembra-te de mim”. Sua fé lhe abriu as portas do paraiso. foi a mais rápida oração respondida.

3- Seu cuidado amoroso por sua mãe.

    1. “Mulher eis ai o teu filho” (João 19.26);
    2. Ele esqueceu de si mesmo pensando nos outros
    3. Jesus valoriza e se preocupa com sua mãe e seus irmãos.
    4. é o mesmo cuidado que Jesus tem ainda hoje por cada um de nós; por isso ele promteu: não te deixarei e jamais te abandonarei.

4 – Seu sacrifício solitário na cruz.

    1. “Deus meu, Deus meu” (Mateus 27.46);
    2. Jesus já tinha se sentido só, no momento da tentação no deserto, no jardim do Getsêmani, agora está sozinho na cruz.
    3. Como propriciação pelo nosso pecado, Jesus precisava passar por este processo.]
    4. era a única forma de derrubar a parede de sepração entre nós e o nosso Deus.
    5. Ele foi o cordeiro perfeito de Deus imolado pelos nossos pecados.

5- Sua agonia diante da morte.

    1. “Tenho sede”. (João 19.28) – Jesus mostra sua natureza humana na cruz;
    2. Jesus sofreu com os martírios, os açoites, a coroa de espinhos, o calor e a imensa dor;
    3. ele clama: “tenho sede”.
    4. Jesus estava cumprindo as profecias messiànicas, sendo um humano martirizado pelo pecado de todos nós.

6- Seu amor pelo Pai.

    1. “Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito”. (Lucas 23.46)
    2. Todas as ações de Jesus foram motivadas pela obediência ao pai.
    3. Jesus nos ensinou a obedecer por amor.
    4. É através deste ato de amor, que fomos salvos.

7- A missão cumprida: está consumado.

    1. “Está consumado” João 19.20
    2. Sua obra de salvação estava consumada (2Co 5.21)
    3. As profecias estavam cumpridas (1Pe 1.10-12)
    4. O juízo de Deus havia passado (Cl. 2.214-15);
    5. O caminho para o Céu está aberto (Mt 27.51; Hb 10.22).

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: